15/04/19 - 18:41

ONU e líderes mundiais oferecem ajuda à Catedral de Notre Dame

Bolsonaro foi um dos presidentes que se pronunciou sobre a tragédia

Foto: Reprodução

Por: Redação Tupi

Em solidariedade ao o incêndio na Catedral de Notre Dame, em Paris, diversos países e entidades internacionais ofereceram ajuda à França. A Organização das Nações Unidas (ONU) declarou que vai auxiliar o governo francês. O secretário-geral da instituição, António Guterres publicou em sua conta no Twitter uma mensagem de apoio.

“Horrorizado pelas imagens do incêndio que devastou a Catedral Notre-Dame, uma joia única do patrimônio mundial que reina sobre Paris desde o século 14. Meus pensamentos estão com o povo e o governo francês”, declarou Guterres na rede social.

A Organização das Nações Unidas para a Cultura (Unesco) também anunciou que irá se dispor a auxiliar a França na restauração da Catedral.

“A Unesco se coloca ao lado da França para salvaguardar e reabilitar este patrimônio inestimável, que é a catedral de Notre Dame, devastada nesta segunda-feira pelas chamas”, disse a diretora-geral, Audrey Azoulay.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, foi um dos líderes mundiais que se pronunciou sobre a tragédia. No Twitter, ele lamentou a perda de um local como a Catedral.

“Em nome dos brasileiros, manifesto profundo pesar pelo terrível incêndio que assola um dos maiores símbolos da cultura e da espiritualidade cristã e ocidental, a catedral de Notre-Dame, em Paris. Neste momento sombrio, as nossas orações estão com o povo francês”, publicou Bolsonaro.

Países vizinhos da França lamentaram o ocorrido. Steffen Seibert, porta-voz da chanceler alemã Angela Merkel, disse que Notre Dame é um símbolo da França e da cultura europeia. Pedro Sánchez, primeiro-ministro da Espanha, declarou que o país pode “contar com eles”, para se recuperar desta tragédia.

Também no Twitter, o presidente do Estados Unidos, Donald Trump, se pronunciou.

“Horrível assistir o grande incêndio na Catedral de Notre Dame de Paris. Talvez aviões com tanques de água deveriam ser utilizados para extinguir as chamas. É preciso agir rapidamente”, disse o líder norte-americano.

 

0 comentários