Baixada Fluminense

Banco de leite humano contribui para diminuição da mortalidade infantil na Baixada Fluminense

Apenas de janeiro a julho deste ano, foram 643 visitas domiciliares, com 221 doadoras voluntárias e 251 litros de leite coletados

Por Milena Coutinho

Foto: Reprodução Internet

A Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano chegou ao país há 22 anos, por iniciativa do Ministério da Saúde e da Fundação Oswaldo Cruz, com a missão de promover, proteger e apoiar o aleitamento materno, coletar e distribuir leite humano com qualidade certificada, contribuindo para a diminuição da mortalidade infantil.

Na Baixada Fluminense, o Banco de Leite Humano do Hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias, realiza o serviço desde 2007. Apenas de janeiro a julho deste ano, a unidade contabilizou 643 visitas domiciliares, com 221 doadoras voluntárias e 251 litros de leite coletados.

Segundo a direção do hospital, um diferencial da unidade em comparação a outros bancos é a visita domiciliar, que ocorre nas casas das doadoras uma vez por semana, com profissionais de enfermagem realizando consultas.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »