Baixada Fluminense

Cidades da Baixada estão entre as mais vulneráveis à propagação da Covid-19

Por Milena Coutinho

Quatro municípios da Baixada Fluminense aparecem entre as 30 cidades brasileiras mais vulneráveis ao alastramento do novo Coronavírus. Segundo um estudo da Fundação Perseu Abramo, São João de Meriti, Nilópolis, Belford Roxo e Mesquita estão no grupo e acendem um importante sinal de alerta para as autoridades de saúde.

O estudo indicou dois fatores que explicam o que leva ao protagonismo da região. De acordo com ele, a disseminação do vírus é facilitada pela alta densidade demográfica dessas cidades. Outro aspecto típico apontado é a informalidade do mercado de trabalho. Na região, por mais que sejam implantadas medidas de isolamento social, os profissionais, especialmente os autônomos, precisam sair de casa para trabalhar, por uma questão de sobrevivência.

O Índice de Vulnerabilidade Municipal ao Alastramento do Coronavírus, criado no estudo, procura identificar o quão vulnerável cada município brasileiro está a um maior alastramento da Covid-19. Foram considerados cinco aspectos para análise: densidade demográfica, faixa etária, infraestrutura sanitária, saúde e mercado de trabalho.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Julho de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Mário Belisário
« Programa Anterior
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »