Baixada Fluminense

Município da Baixada ganha Centro de Cidadania LGBT

Espaço é uma unidade de atendimento do Programa Rio sem Homofobia

Por Redação Tupi

Foto:Reprodução/Prefeitura de Nova Iguaçu

Um antigo sonho da comunidade LGBT da Baixada Fluminense se tornou realidade nesta quarta-feira (6/8). Em parceria com o Governo do Estado, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), inaugurou o III Centro de Cidadania LGBT da Baixada Fluminense. O espaço é uma unidade de atendimento do Programa Rio sem Homofobia e oferece atendimentos jurídicos, psicológicos e sociais para a comunidade LGBTI.

Elaine Medeiros, secretária de assistência social de Nova Iguaçu, e Cristiane Lamarão, secretária de estado de desenvolvimento social e direitos humanos, assinaram o termo de cooperação e o Centro de Cidadania LGBT já está oficialmente em funcionamento em Nova Iguaçu.

O centro vai funcionar no mesmo prédio que o Núcleo de Atendimento às Vítimas de Intolerância Religiosa (NAVIR), uma unidade do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), o serviço de Família Acolhedora e a Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres. Todos serviços oferecidos pela SEMAS com foco na assistência e desenvolvimento social da cidade. “Esse centro é uma reivindicação do movimento LGBT já há bastante tempo, por isso, nós conversamos com o prefeito Rogério Lisboa que foi sensível a causa, entendeu a importância e nos deu a oportunidade de trazer essa política pública para nossa cidade”, explicou Elaine.

 


Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
15 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »