Baixada Fluminense

Turismo clandestino aumenta em áreas preservadas da Baixada Fluminense

A Reserva Biológica do Tinguá tem mais de 24 mil hectares de extensão, distribuídos nos municípios de Nova Iguaçu, Duque de Caxias, além de Miguel Pereira e Petrópolis

Por Milena Coutinho

Foto: Reprodução Internet

Em várias cidades da Baixada Fluminense, o turismo clandestino tem aumentado cada vez mais. Áreas de preservação ambiental e com acesso restrito têm sido invadidas para lazer em municípios como Nova Iguaçu. Um dos locais que mais têm sofrido é a Cachoeira da Colônia, que fica na Reserva Biológica do Tinguá. O que muita gente não sabe é que, por se tratar de uma área preservada, fazer trilhas nesses locais pode ser considerado como crime ambiental.

 

A Reserva Biológica do Tinguá tem mais de 24 mil hectares de extensão, distribuídos nos municípios de Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Miguel Pereira e Petrópolis. É uma das maiores áreas de Mata Atlântica preservada do país. Quem quiser fazer uma visita agendada ao local deve preencher um formulário digital no link www.rebiotingua.eco.br/visitacao .

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »