BBB 20

Felipe Prior é acusado de abusar sexualmente de três mulheres, diz revista

Assessoria do ex-BBB negou que os fatos sejam verdadeiros

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução / TV Globo)

Felipe Prior foi décimo eliminado do Big Brother Brasil 20 em um paredão histórico que teve mais de 1,5 bilhão de votos. Durante a sua trajetória no programa, ele foi acusado diversas vezes de ter condutas e atitudes machistas. Agora, segundo a revista Marie Claire, o ex-brother teria violentado sexualmente três mulheres entre os anos de 2014 e 2018.

A revista conversou com as três vítimas que acusam o ex-BBB, mas nenhuma delas quis se identificar. Procurado pela Marie Claire, Felipe disse que não ia se manifestar e sua assessoria negou que os fatos sejam verdadeiros.

Segundo a primeira moça, em 9 de agosto de 2014 ela foi a uma festa que comemorava os jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo, chamados de InterFAU. Ao final do evento, ela e uma amiga, aceitaram a carona oferecida por Felipe.

A moça disse que se encontrava alterada na ocasião, pois havia consumido bebida alcóolica. Segundo ela, Felipe teria deixado sua amiga em casa e minutos depois parado o carro. Neste momento, teria se lançado sobre ela e começado a beijá-la. Em seguida, a arrastou para o banco de trás do veículo e a estuprou.

Ainda de acordo com o documento, obtido com exclusividade pela Marie Claire, durante os jogos InterFAU de 2016, o ex-brother teria tentado estuprar uma segunda jovem. Segundo o depoimento dela, ele aproveitou que a jovem estava bêbada e a convenceu a entrar em sua barraca. Ela disse que o estupro não foi consumado porque o empurrou usando os braços e pernas e conseguiu fugir.

Apesar de ter entrado na barraca do acusado, a jovem disse que quando percebeu que não havia camisinha, se recusou a continuar a relação. Mas ele insistiu usando força física.

A terceira violência sexual teria acontecido nos jogos InterFAU de 2018. O relato é parecido com os anteriores. De acordo com a jovem, Felipe a chamou para entrar na sua barraca, onde iniciou relações sexuais com ela de maneira consentida. No entanto, após ele passar a agir de maneira agressiva, a moça  disse que queria que parar, o que não surtiu efeito.

Segundo o relatos, o acusado desferiu tapas no rosto e por todo o corpo da vítima. De acordo com a jovem, ela só conseguiu sair da barraca depois que ele caiu no sono. Naquele noite, duas testemunhas a escutaram pedir para que o acusado parasse. Essas testemunhas sustentam a versão dela vítima no documento da acusação.

Artistas como Taís Araújo, Titi Müller, Hugo Bonemer e Felipe Neto se manifestaram sobre o assunto. No Twitter, Titi postou: “Nem consegui terminar de ler a matéria. Que horror”. Já Felipe Neto, pediu que as pessoas leiam a matéria.

Diversos internautas também estão comentando o assunto e marcando os contatos dos famosos, que apoiaram o arquiteto durante a atração.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Isabele Benito
« Programa Anterior
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »