Brasil

Bolsonaro classifica Brilhante Ustra como ‘heroi nacional’

Coronel foi um dos principais torturadores da ditadura militar

Por Redação Tupi

Nesta quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro classificou o coronel Brilhante Ustra como um “herói nacional”.

O comentário foi feito enquanto o presidente saía da residência oficial e conversou com os jornalistas sobre o almoço marcado com a viúva do militar, Maria Joseíta Silva Brilhante.

“Tem um coração enorme. Eu sou apaixonado por ela. Não tive muito contato, mas tive alguns contatos com o marido dela enquanto estava vivo. Um herói nacional que evitou que o Brasil caísse naquilo que a esquerda hoje em dia quer”, declarou o presidente.

Ustra foi chefe do Destacamento de Operações de Informação – Centro de Operações de Defesa Interna (o DOI-Codi), e um dos principais torturadores. Pelos atos, foi o primeiro militar a responder por um processo de tortura durante Ditadura.

Inclusive, durante o processo de impeachment contra o mandato da ex-presidenta Dilma Rousseff (PT), Bolsonaro homenageou Ustra durante a votação na Câmara.

Por isso, enfrentou pedidos de cassação do mandato por quebra de decoro parlamentar e apologia à tortura, porém o caso foi arquivado.

Comentários
enquete

Dia Mundial do Café: Qual tipo de café você mais gosta?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »