Brasil

Fiocruz defende passaporte da vacina como medida fundamental

Para a Fundação, comprovante é necessário para conter a pandemia

Por Redação Tupi

comprovante de vacinação
Comprovante de vacinação contra a Covid-19 (Foto: Tânia Rêgo/ Divulgação: Agência Brasil)

Em nova edição do boletim de saúde divulgada nesta sexta-feira (10) pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), pesquisadores defenderam o passaporte de vacinas como medida fundamental, por conta do cenário epidemiológico no Brasil e no mundo com relação à transmissibilidade e à disseminação das novas variantes do coronavírus.

Além disso, notas técnicas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) apontam recomendações que têm o objetivo de estabelecer uma nova política de fronteiras e de restrições, alinhadas às medidas de outros países que estudam adotar a medida.

Segundo o boletim, “apesar da melhora dos indicadores epidemiológicos da Covid-19 no país, merecem atenção fatores como o aumento do fluxo de pessoas – inclusive com a entrada de muitas no país – e a dispersão mundial da Ômicron, nova variante de preocupação”.

O documento também alerta que, embora o avanço da cobertura vacinal no país esteja trazendo benefícios para o controle da pandemia, esta estratégia não pode ser tratada como a única medida necessária para interromper a transmissão do vírus entre a população.

A Fiocruz reforça a importância do monitoramento da intensidade com que as pessoas retornam a circular pelas ruas, diante da proximidade das festas de fim de ano e das férias escolares.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Janeiro de 2022 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »