Brasil

Justiça condena Celso Russomanno a devolver salários que pagava para secretária

Funcionária do deputado e jornalista tinha remuneração arcada com recursos da Câmara

Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira, a Justiça Federal condenou o deputado federal Celso Russomanno (PRB-SP) a devolver os salários de uma funcionário pagos com dinheiro público, entre o período de julho de 1997 e março de 2001.

Os valores são referentes à remuneração de uma secretária do gabinete do deputado, que, ao mesmo tempo, teria trabalhado em um empresa privada do parlamentar, Sandra de Jesus Bernardo Nogueira.

De acordo com a decisão, ela exercia ao mesmo tempo atividades parlamentares em uma produtora de vídeos, cujo sócio majoritário era o deputado, mas era paga com valores que vinham da Câmara.

Comentários
recomendadas
enquete

Quem será a Campeã do Carnaval?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »