Brasil

Justiça nega suspensão de indicação de Abraham Weintraub para Banco Mundial

Ação popular apontava desvio de finalidade e que a indicação não atendia a interesses públicos

Por Redação Tupi

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O ex-ministro da Educação Abraham Weintraub vai continuar no cargo de diretor do Banco Mundial após a Justiça Federal no Distrito Federal arquivar uma ação que tentava suspender sua indicação. Movida pelo deputado federal Ivan Valente (Psol-SP), a ação popular alegava desvio de finalidade e que a indicação não atende a interesses públicos, mas pessoais.

Ao entrar com a ação, o parlamentar apontou que Weintraub é investigado em dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF), um por ter defendido a prisão e ter chamado os ministros da Corte de vagabundos e outro por suposto racismo ao responsabilizar chineses pela pandemia do novo coronavírus.

Em resposta, o juiz Itagiba Catta Preto Neto, da 4ª Vara da Justiça Federal, criticou a ação e afirmou que o pedido tem cunho partidário e ideológico.

Comentários

enquete

Você aprova os convocados para a Seleção Brasileira?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »