Brasil

Por não gostar de programa de TV com trans, Bolsonaro considera extinguir a Ancine

O órgão tem a função de fomentar e fiscalizar as produções audiovisuais brasileiras

Por Redação Tupi

Foto: Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro planeja realizar sérias alterações na Agência Nacional do Cinema, a Ancine. As informações são da jornalista Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo. Desde de 2001, a Ancine tem a função de fomentar e fiscalizar as produções audiovisuais brasileiras.

Por não gostar de um programa televisivo com transexuais, ele cogita novas medidas para o órgão. Uma das possibilidades é a extinção ou transferi-lo para a Secretaria de Comunicação (Secom), alocado no Ministério da Cidadania.

O presidente teria classificado a aprovação da produção do reality show “Born to Fashion”, que a premissa é a revelação de modelos transexuais, um “absurdo”. Outra preocupação de Bolsonaro seria a disputa de cargos dentro da área da cultura.

A decisão sobre o futuro do Ancine deve ser tomada ainda nesta quinta-feira, durante um encontro do presidente com o ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »