Conecte-se conosco

Carnaval

Bloco Exagerado desfila na segunda-feira de carnaval ao som de hits eternizados por Cazuza

Em seu nono ano, o Bloco Exagerado, que desfila na segunda-feira de carnaval ao som de hits eternizados por Cazuza, gravará as canções desta edição ao vivo e agora inclui em sua apresentação estruturas de acessibilidade.

Publicado

em

Foto - Reprodução

De um desfile espremido nas vielas dos Arcos do Teles a um Bloco Oficial do Carnaval do Rio de Janeiro que vem atraindo multidões, o Bloco Exagerado segue seu cortejo em ascensão e realiza mais um desfile em seus nove anos de existência. Enredado pelo tema “Bete Balanço”, escolhido em virtude dos 40 anos da canção, o Bloco que se apresenta ao som de 32 canções eternizadas na voz de Cazuza sob um delicioso suingue carnavalesco chega em 2024 prometendo muita alegria e música boa ao longo de 3h de show em plena segunda-feira de carnaval, dia 12 de fevereiro a partir das 8h no palco montado na Praça Tiradentes, região central do Rio de Janeiro.

Aos fãs do Bloco, um aviso importante. É bom já começar os ensaios em casa e caprichar na afinação porque todas as músicas da apresentação serão gravadas ao vivo. Dentre as outras novidades, no repertório deste ano está a inclusão da canção “Burguesia”, que foi gravada pelo Bloco com a cantora Simone Mazzer durante a pandemia, mas ainda não tinha sido apresentada ao vivo no carnaval. Interessados em permitir que todas as pessoas possam participar desta celebração musical, o Bloco Exagerado oferece a partir deste ano uma estrutura de acessibilidade composta por um profissional de libras e um espaço exclusivo dentro da área de produção para PCD.

“A gente fez muita coisa legal ao longo desses anos. Ganhamos três prêmios, temos a benção de Lucinha Araújo, a mãe do Cazuza, e temos uma parceria linda com o Guto Goffi, que produziu todas as músicas que estão nas plataformas digitais. Além disso, já tocamos com Marina Lima e George Israel, grandes amigos do Cazuza… Eu almejava tudo isso quando pensei no bloco. Não imaginava que conseguiria, mas é aquela história: ‘um sonho e muita vontade de dar certo’. Tudo aconteceu de forma natural e tem sido gratificante”, comemora Rafael Braga, idealizador e produtor do Bloco Exagerado.

Este será o segundo ano que o Bloco Exagerado ocupará a Praça Tiradentes sozinho – a mudança começou no ano passado, quando o bloco passou a ser um Bloco Oficial do Carnaval do Rio de Janeiro e teve seu dia de apresentação alterado após sete carnavais. “Acredito que estamos criando ainda um movimento das pessoas entenderem que não dividimos mais o palco e o dia da semana com o bloco ‘Toca Rauuul’, mas a expectativa é termos a Praça cheia como sempre. Amamos ver a galera fantasiada, animada e cantando bem alto as eternas canções do nosso poeta da música brasileira”, torce Rafael.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *