Ciência e Saúde

Universidade de Oxford retoma testes de vacina contra Covid-19

Até agora, cerca de 18 mil voluntários já receberam o imunizante, que se encontra na fase três das pesquisas

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução)

A Universidade de Oxford recebeu autorização para retomar os testes para avaliação da vacina imunizante da Covid-19 produzido em parceria com a farmacêutica AstraZeneca. Os testes no mundo todo, inclusive no Brasil, estavam parados para a avaliação de reação adversa em uma voluluntária britânica, e dependiam do aval de um comitê independente para serem retomados.

Até agora, cerca de 18 mil voluntários já receberam o imunizante, que se encontra na fase três das pesquisas. Segundo a Universidade de Oxford, é esperado que em testes de eficácia como esse, alguns participantes apresentem efeitos colaterais, que devem ser avaliados caso a caso para que os estudos continuem. Os ensaios clínicos já passaram pelas fases um e dois, com comprovação de segurança e produção de anticorpos contra a Covid-19.

No Brasil, o estudo envolve 5 mil voluntários e também deve ser retomado, após liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e do Comitê Nacional de Ética e Pesquisa, afirmou em nota a Universidade Federal de São Paulo, que coordena as pesquisas no país, por meio do Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais.

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »