Coronavírus

Histórias por telefone têm temática em homenagem às festas juninas

O projeto é principalmente voltado para os idosos, considerados grupo de risco na pandemia da Covid-19.

Por Redação Tupi

Nos meses de junho e julho, o projeto Histórias por telefone estará em clima de festa junina. Sem aglomerações por causa da pandemia do novo coronavírus, a temática está sendo indicada aos contadores para manter viva a tradição de uma das festividades mais populares do Brasil. Lançado em março pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Sececrj), o projeto – de contação de histórias, via telefone, para pessoas que estão em isolamento social – tem 7.260 inscritos (1.653 voluntários e 5.607 ouvintes).

A Superintendência de Conhecimento e Leitura da Sececrj está indicando diversas referências da literatura de cordel, poesias e letras de músicas que valorizam a tradição das festas juninas. Entre as dicas, há trabalhos consagrados do cordelista Francisco Diniz, do cantor e compositor Luiz Gonzaga e dos poetas Manuel Bandeira, Faffi (Silvia Giovatto), Augusta Schimidt, Mário Osny Rosa e Alberto Caieiro.

– Nesses meses de junho e julho, vamos fazer uma homenagem às famosas festas juninas, a literatura de cordel e todo nosso folclore com histórias e poesias ligadas a essa narrativa. Então, quem ouvir histórias do projeto e quem estiver as contando vão utilizar essa temática. A gente acredita que seu dia pode ficar um pouquinho mais feliz que através da leitura – explica o superintendente de Leitura e Conhecimento da Sececrj, Pedro Gerolimich.

As inscrições para participar do Histórias por Telefone seguem abertas. Para isso, a pessoa deve fazer a inscrição no link informando alguns dados pessoais. O mesmo vale para quem quer ser voluntário. O projeto é principalmente voltado para os idosos, considerados grupo de risco na pandemia da Covid-19.

– Ficamos muito felizes pela quantidade de inscrições que o projeto recebeu nos últimos meses. Isso mostra a importância de fomentar a cultura para as pessoas que estão em isolamento social, em muitos casos sozinha, precisando de atenção. Uma grande corrente positiva em um período difícil – disse a secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros.

Interessados em se inscrever para ouvir histórias ou indicar amigos e familiares que precisam de ajuda basta clicar aqui.

Interessados em ser contadores de histórias, basta clicar aqui.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Dezembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Mário Belisário
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »