Coronavírus

Homem de 37 anos, que passou por vários hospitais em busca de diagnóstico de COVID-19, morre no Rio

Luta da família de Abrahao Vanderlei Campos foi dado em primeira mão pela equipe de jornalismo da Super Rádio Tupi

Por Marcelo Silva

(Foto: Reprodução)

O homem de 37 anos, que peregrinou durante quase uma semana em busca de um diagnóstico para um possível caso de coronavírus, morreu na noite de quarta-feira (01). A luta da família de Abrahao Vanderlei Campos foi dado em primeira mão pela equipe de jornalismo da Super Rádio Tupi.

Abrahão estava internado em coma induzido na Unidade de Tratamento Intensivo, do Hospital de Acari, na Zona Norte do Rio, desde a noite do último domingo (29).

Morador do município de Mesquita, na Baixada Fluminense, ele buscou atendimento em duas oportunidades na UPA de Edson Passos. No fim de semana, após apresentar piora no seu quadro respiratório, Abrahão foi levado pela esposa até o Hospital Salgado Filho, no Méier, na Zona Norte do Rio.

No entanto, segundo os familiares, a unidade não estava realizando atendimentos. Somente na UPA do Engenho Novo o paciente foi classificado como um caso suspeito de coronavírus. Abrahão deixa esposa e uma filha de 2 anos.//

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, ainda não saiu o resultado do exame que pode confirmar se o homem de 37 anos é mais uma vítima da COVID-19 na cidade do Rio de Janeiro.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Maio de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »