Coronavírus

‘Não tem como descrever a sensação’, diz primeira vacinada no Rio

Dulcineia da Silva Lopes, de 59 anos, é técnica de enfermagem e atuou por 8 meses na linha de frente no combate à Covid-19

Por Cyro Neves

Foto: Talita Giudice/Super Rádio Tupi

A técnica de enfermagem, Dulcineia da Silva Lopes, de 59 anos, foi a primeira moradora do Rio a ser vacinada. A ação aconteceu aos pés do Cristo Redentor, no início da noite desta segunda-feira (18), e contou com a presença do prefeito Eduardo Paes e do governador em exercício, Cláudio Castro.

Moradora da Pavuna, trabalhando há oito meses na linha de frente da Covid-19, no Hospital Ronaldo Gazolla, Dulcineia destacou que as pessoas devem se vacinar, mas não podem esquecer dos cuidados essenciais.

“A sensação é muito boa. Está aqui nos pés do Cristo Redentor e receber a primeira dose da vacina no Rio de Janeiro é muito emocionante. Não tem como descrever a sensação. O meu pedido é para que as pessoas se cuidem”, ressaltou.

Além de técnica de enfermagem, Dulcineia Novaes também trabalha como agente comunitária de saúde.

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
01 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Antônio Carlos
« Programa Anterior
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »