Brasil

CPI pretende votar nesta quarta convocação de Ricardo Barros e deve ouvir Wizard sobre ‘gabinete paralelo’

Convocação do deputado não está na pauta, mas há acordo para que haja votação. Carlos Wizard estava nos EUA e faltou ao primeiro depoimento, no último dia 17

Por Mateus Wagner

CPI da Covid-19
CPI da Covid-19 (Foto: Agência Senado)

Nesta quarta-feira (30), CPI da Covid deve votar a convocação do deputado Ricardo Barros (PP-PR), líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados.

Há indícios, segundo cúpula da comissão, que Barros estaria envolvido em possíveis irregularidades na compra de vacinas pelo governo federal. Ricardo Barros nega.

O requerimento de convocação do deputado não está na pauta, mas senadores entraram em acordo para que haja votação.

A CPI também ouvirá nesta quarta-feira (30) o empresário Carlos Wizard. Ele deve ser questionado sobre a suposta existência de um ‘gabinete paralelo’, que teria pautado o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre assuntos relacionados à pandemia.

Ricardo Barros teve seu nome citado pelo deputado Luis Miranda (DEM-DF) na CPI, na última semana. Em depoimento à comissão, Luis Miranda contou que relatou a Bolsonaro as suspeitas de irregularidades envolvendo negociações para importações da Covaxin, vacina contra Covid produzida na Índia pela Bharat Biotech.

 



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
20:00 - Conexão Tupi
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »