Conecte-se conosco

Eleições 2022

Ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin se filia ao PSB

Em discurso durante o evento de filiação, o agora ex-tucano defendeu o apoio da sigla à candidatura do ex-presidente Lula e enalteceu o petista

Publicado

em

Geraldo Alckmin se filia ao PSB
(Foto: Reprodução/Twitter)
Geraldo Alckmin se filia ao PSB

(Foto: Reprodução/Twitter)

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin assinou a filiação, nesta quarta-feira (23), ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). Em discurso durante a cerimônia que selou a entrada dele no partido, Alckmin defendeu o apoio da sigla à candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e disse que o petista é, hoje, “aquele que melhor reflete o sentimento de esperança do povo brasileiro”.

“Temos que ter os olhos abertos para enxergar, a humildade para entender que hoje Lula é o que melhor reflete e interpreta o sentimento de esperança do povo brasileiro. Ele representa a democracia”, declarou. “Não tenho dúvida de que o presidente Lula, se Deus quiser eleito, vai reinserir o Brasil no cenário mundial. Ele vai alargar o horizonte do desenvolvimento econômico e vai diminuir essa triste diferença social que nós temos no país”, completou Alckmin.

O evento de filiação de Alckmin ao PSB ocorreu nesta manhã na sede da Fundação João Mangabeira, em Brasília. A chegada do ex-tucano ao partido de centro-esquerda torna ainda forte a possibilidade dele ser o vice de Lula na disputa pela Presidência da República nas eleições deste ano.

Por conta disso, alguns petistas ilustres estiveram presentes na cerimônia de filiação. Entre eles, a presidente da sigla, Gleisi Hoffmann, e o líder do PT na Câmara dos Deputados, Reginaldo Lopes.

O ato ainda contou com as presenças do presidente do PSB, Carlos Siqueira; e dos governadores do Espírito Santo, Renato Casagrande; e do Maranhão, Flávio Dino. Além deles, o prefeito de Recife João Campos, filho do ex-governador de Pernambuco e ex-presidente nacional do PSB Eduardo Campos, também compareceu.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *