Cinema

Ao levar prêmio no Festival de Gramado, diretor de cinema dispara: ‘Menos Bolsonaros, mais Pacarretes’

O evento contou com protestos em favor do cinema nacional e da Amazônia

Por Redação Tupi

Allan Deberton é o diretor do longa “Pacarrete”, grande vencedor da noite
(Foto: Reprodução)

Inspirado na história real de uma mulher de Russas, no interior do Ceará, o longa “Pacarrete” foi o grande vencedor do 47º Festival de Gramado, sendo premiado em oito categorias diferentes, dentre as quais, melhor filme, melhor roteiro e melhor direção. A cerimônia aconteceu na noite do último sábado, na Serra Gaúcha, e contou com protestos em favor do cinema nacional e da Amazônia.

Na abertura do festival, durante o tapete vermelho, um grupo de pessoas, na sua maioria artistas, levantaram cartazes contra a censura e pôsteres de filmes brasileiros. Como reação, parte do público jogou  pedras de gelo nos manifestantes.  “Enquanto nossos corações se abalam porque tem um vilão aí querendo nos destruir, permanecemos unidos. Mesmo sendo recebidos a gelo, nossa a energia continua. Esse filme de terror vai ter um final feliz. Esse vilão vai ser vencido. Menos Bolsonaros, mais Pacarretes”, afirmou o diretor Allan Deberton no evento, ao ser agraciado com o prêmio de melhor filme por “Pacarrete”.

Abaixo, veja a lista completa dos ganhadores do 47º Festival de Gramado:

Longas Brasileiros

Melhor Filme: “Pacarrete”, de Allan Deberton

Melhor Direção: Allan Deberton, “Pacarrete”

Melhor Ator: Paulo Miklos, em “O Homem Cordial”

Melhor Atriz: Marcélia Cartaxo, em “Pacarrete”

Melhor Roteiro: Allan Deberton, André Araújo, Natália Maia e Samuel Brasileiro, por “Pacarrete”

Melhor Fotografia: Edu Rabin, por “Raia 4”

Melhor Montagem: Joana Collier e Fernanda Krumel, por “ Hebe ”

Melhor Trilha Musical: Sascha Kratzer, por “O Homem Cordial”

Melhor Direção de Arte: Tulé Peake, por “ Veneza ”

Melhor Atriz Coadjuvante: Carol Castro, em “Veneza” e Soia Lira, em “Pacarrete”

Melhor Ator Coadjuvante: João Miguel, em “Pacarrete”

Melhor Desenho de Som: Rodrigo Ferrante e Cauê Custódio, por “Pacarrete”

Prêmio especial do Júri: “30 Anos Blues”

Júri da Crítica: “Raia 4”, de Emiliano Cunha

Melhor filme do Júri Popular: “Pacarrete”, de Allan Deberton

Longas estrangeiros

Melhor Filme: “El Despertar de Las Hormigas”, de Antonella Sudasassi Furnis

Melhor Direção: Juan Cáceres, por “Perro Bomba”

Melhor Ator: Fernando Arze, em “Muralla”

Melhor Atriz: Julieta Díaz, “La forma de las horas”

Melhor Roteiro: Bernardo e Rafael Antonaccio, por “En el Pozo”

Melhor Fotografia: Rafael Antonaccio, por “En el Pozo”

Prêmio especial do júri: para as meninas Isabella Moscoso e Avril Alpizar do filme “El despertar de las hormigas’, por suas excelentes atuações.

Menção Honrosa: para a direção de arte de “Dos Fridas”

Júri da Crítica: “El Despertar de Las Hormigas”, de Antonella Sudasassi Furnis

Melhor filme Júri Popular: “Perro Bomba”, de Juan Cáceres

Longas Gaúchos

Melhor filme: Raia 4, de Emiliano Cunha

Curtas Brasileiros

Melhor Filme: “Apneia”, de Carol Sakura e Walkir Fernandes

Melhor Direção: Diogo Leite, por “O Menino Pássaro”

Melhor Ator: Rômulo Braga, em “Marie”

Melhor Atriz: Cassia Damasceno, em “Mulher que Sou”

Melhor Roteiro: Renata Diniz, por “O Véu de Armani”

Melhor Fotografia: Sebastian Cantillo, por “A Ética das Hienas”

Melhor Montagem: Daniel Sena e Thiago Foresti, por “Invasão Espacial”

Melhor Trilha Musical: Carlos Gomes, em “Teoria Sobre Um Planeta Estranho”

Melhor Direção de Arte: Gutor BR, por “Sangro”

Melhor Desenho de Som: Gustavo Soesi, “Um Tempo Só”

Prêmio especial do júri: para as atrizes Divina Valéria e Wallie Ruy, em “Marie”, por nos permitirem vivenciar deslocamentos corporais inesperados e por imaginarem um futuro travesti num país que mais mata trans no mundo.

Júri da Crítica: “Marie”, de Leo Tabosa

Melhor Filme Júri Popular: “Teoria Sobre Um Planeta Estranho”, de Marco Antônio Pereira

Menção Honrosa: a Ester Amanda Schafe, de “A Pedra”, pela vigorosa interpretação e pelo talento promissor que revela.

Prêmio Aquisição Canal Brasil: “Marie”, de Leo Tabosa.

 

Comentários
enquete

Os homens devem experimentar ser 'donos de casa' para ver o trabalho que dá?
Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Setembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Mário Belisário
« Programa Anterior
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
13:10 - Show do Pedro Augusto
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »