Esportes

Após goleada e reclamações, Santos promete quitar salários do elenco em até no máximo 48 horas

Peixe deve o mês de fevereiro aos atletas; goleada sofrida de 4 x 0 para o Botafogo-SP foi atribuída aos atrasos no pagamento

Depois das reclamações abertas dos jogadores e do técnico Jorge Sampaoli, José Bruno Carbone, membro do Comitê de Gestão do Santos garantiu que o clube pretende realizar o pagamento dos atletas em no máximo 48 horas. O Peixe deve o mês de fevereiro, que deveria ter sido pago no começo de março.

“É uma coisa que acontece na vida de qualquer clube. Acho que nas próximas 48 horas estará tudo resolvido – declarou”.

“O Santos tem muito dinheiro para receber esse ano. O fluxo está se comportando de maneira não adequada, mas deve ser regularizado nos próximos meses” – completou o dirigente.

Na última quarta-feira (20), o Santos foi derrotado pelo Botafogo-SP por 4 a 0. Ao final da partida, o técnico Jorge Sampaoli afirmou que devolveria seu salário até que o dos jogadores fosse pago. O porquê da goleada, inclusive, foi creditada a esse atraso salarial.

O Santos agora volta a campo no próximo sábado (23), para enfrentar o RB Brasil, pelas quartas de final do Paulistão. Até por isso, a diretoria corre contra o tempo para acertar a situação.

recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
22 de Novembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »