Conecte-se conosco

Campeonato Brasileiro

Após goleada sobre o Juventude, Diniz exalta Felipe Melo e Cano

Treinador valorizou defensor, que atuou improvisado na zaga, além de recorde construído pelo argentino na goleada sobre o Juventude

Publicado

em

Fernando Diniz
Foto: Marcelo Gonçalves

Apesar da chuva e do frio na noite desta quarta-feira (28) no Rio de Janeiro, o clima foi dos mais quentes possíveis no Maracanã, pelo menos para a torcida do Fluminense. Isso por que o clube venceu mais uma partida na competição, dessa vez uma goleada de 4 a 0 sobre o Juventude.

A noite, inclusive, foi importante para dois atletas em especial, como foi destacado pelo técnico Fernando Diniz, que fez questão de exaltar as atuações do volante Felipe Melo, que atuou improvisado na zaga, além de Germán Cano, que marcou mais um gol na temporada.

“Em 2019, participei de um podcast do Cléber Machado e fui perguntado qual jogador eu gostaria de ter. Disse que queria o Felipe Melo. Eu sempre falei isso. Para mim, é um jogador especial, de outra prateleira. O que ele trabalha para estar em condições para dar continuidade na carreira é uma coisa absurda. Estou acompanhando os treinos, vejo a entrega dele. No jogo contra o Corinthians, ele entrou, fez um gol contra. Se você tirar aquele finalzinho, ele fez tudo que eu pedi de forma exemplar, como fez hoje. Mas o resultado, para quem está de fora, macula muito a atuação. Ele fez o que fez hoje. Acertou praticamente todos passes” – disse Diniz.

Foto: Divulgação/Fluminense

“Agora, com a sequência, os cuidados que ele tem tido, que continue melhorando o joelho. É um cara de muito protagonismo, de muita personalidade, que ajuda muito o Fluminense. Para nós é um privilégio ter o Felipe Melo aqui. Independente da avaliação de fora, ele ajuda muito aqui. Ele tendo saúde, é um cara que joga muito futebol. Sempre achei. Espero que Deus abençoe para que ele tenha saúde, pois ele tem muito a contribuir com o Fluminense e o futebol brasileiro” – completou.

Além do defensor, o comandante tricolor fez questão elogiar o atacante Germán Cano, que fez um dos quatro gols tricolores, chegando aos 34 na temporada. O argentino, inclusive, igualou a marca de Fred, que, em 2011, terminou a temporada com o mesmo número, sendo a melhor do jogador pelo clube.

“Eu acho que é um momento único na vida do Cano. Único de estar fazendo tantos gols em um time do tamanho do Fluminense, disputando o Campeonato Brasileiro, que é difícil, em uma temporada difícil. E a maioria dos gols dele foram em jogos do Campeonato Brasileiro ou partidas de Copa do Brasil. E igualar essa marca do Fred, faltando 10 rodadas, eu acho um grande feito. Acho que o Fred deve estar contente, pois os dois são muito amigos” – exaltou.

“No tempo que estive aqui com o Fred, era gostoso de ver a harmonia, a torcida que o Fred tinha por ele. E contar com o Cano é muito especial por muitos motivos. Conheci ele no Vasco. Quando mais ele ajuda, mais faz gols. Espero que ele continue. Faltando 10 jogos, espero que ele esteja bem iluminado” – finalizou Diniz.

Faltando 10 rodadas para o término do Brasileirão, Cano ainda pode quebrar outras marcas históricas, como a de Magno Alves, que marcou 39, em 2002, além de Washington, que balançou as redes 37 vezes em 2008.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.