Conecte-se conosco

Campeonato Brasileiro

Athletico-PR tem reforços para jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil contra o Flamengo

Cuello e outros jogadores poupados no Brasileiro voltam a ficar à disposição do técnico Felipão

Publicado

em

Cuello
(Foto: Fabio Wosniak/Athletico-PR)

Adversário do Flamengo nas quartas de final da Copa do Brasil, o Athletico-PR iniciou, nesta segunda-feira (25), a preparação para o duelo de ida, na quarta (27), às 21h30, no Maracanã. O técnico Felipão terá alguns retornos importantes, como Cuello, que não atuou contra o Botafogo pelo Brasileirão por conta da suspensão pelo terceira cartão amarelo. Além dele, Pedro Henrique e Pablo, poupados, voltam a ficar à disposição.

O cenário é o mesmo em relação ao lateral-direito Khellven, ao zagueiro Nico Hernández e ao volante Erick – o trio também foi preservado, iniciando a partida diante do Alvinegro no banco de reservas, no Nilton Santos. Já Thiago Heleno, recuperado de lesão, e Fernandinho viram alternativas para o treinador. Ambos foram titulares na derrota por 2 a 0 do último sábado (23) e tiveram bom desempenho, podendo ser novidades no embate com o Rubro-Negro carioca.

Por outro lado, o atacante Vitor Roque, garoto sensação do Furacão na temporada, desfalca o time novamente, já que atuou nesta edição da Copa do Brasil pelo Cruzeiro e, pelo regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), não tem condições de entrar em campo por mais de um clube no torneio de mata-mata.

Felipão comentou sobre a possível formação para a partida de ida, no Rio de Janeiro, mas escondeu as peças e disse estar avaliando os atletas que começarão principalmente do ponto de vista da situação física de cada um. “– Sabemos que na quarta-feira podemos contar com o Thiago e podemos contar com o Fernandinho. Ainda não sabemos o total de minutos, como vamos fazer. Vamos pensar um pouquinho sobre escalação, sobre o que os atletas vão sentir de hoje até quarta-feira em relação à parte física, e vamos decidir. Pelo menos, razoavelmente tivemos a participação do Thiago e do Fernandinho, jogaram 60, 65 minutos, nos dão uma ideia de como podemos usá-los”, afirmou.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *