Esportes

Filipe Luís sobre torcedores do Flamengo: “Cheguei em casa com dor de cabeça com o barulho da torcida”

Em entrevista ao UOL Esporte, lateral comparou as torcidas do Atlético de Madri e disse que o Rubro-negro tem condição de disputar a Premier League.

Por Redação Tupi

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Em entrevista ao site UOL Esporte, Filipe Luís, comparou o comportamento dos torcedores rubro-negros e do Atlético de Madri. Para o lateral, a torcida Colchonera é “fria” e só apoia o time em partidas importantes ou na Liga dos Campeões, diferente dos torcedores do Fla, que segundo Filipe, em um jogo no Maracanã, chegou a ficar com dores na cabeça.

“A torcida do Atlético de Madri, em alguns jogos no Vicente Calderón, pulava, cantava e aplaudia. Em alguns jogos, os jogos importantes, partidas de Champions League, nesses jogos, realmente, a gente sentia esse calor. Um ambiente espetacular, insuperável”, disse Filipe.

O lateral falou sobre apenas uma parte da torcida cantar em jogos considerados “fracos”.

“Mas nos outros jogos era só a parte da torcida atrás do gol. O resto não animava. No estádio novo, ficou mais frio, perdeu muito esse calor, apesar de ter ganhado 20 mil pessoas”, completou.

No Flamengo desde julho deste ano, o lateral já percebeu como atua a torcida rubro-negra. Filipe chegou a citar que ficou com dores de cabeça após um jogo no Maracanã.

“Mas a torcida do Flamengo é em todo jogo. Em todo jogo, todo o Maracanã cantando. Dói a cabeça. Eu cheguei em casa, depois de um jogo, com dor de cabeça do barulho da torcida. A força que a torcida do Flamengo faz durante os 90 minutos é uma coisa que é só estando lá para entender. Pro bem e, acredito, pro mal. Quando o time estiver perdendo, não deve ser fácil. Você sente do campo a força que a torcida impõe no grito, nos cantos e tudo mais”.

Sobre o que Jorge Jesus disse sobre o Flamengo poder participar na Premier League, Filipe Luís foi na mesma linha do treinador, porém disse que isso poderia acontecer, mas com adaptação.

“O Campeonato Inglês, principalmente, é muito mais intenso. Muito mais intenso. Então, seria uma adaptação em todos os jogadores, mas, com certeza, eu também vejo da mesma forma. Mas, como falei, com adaptação”.

Para essa adaptação acontecer, o lateral havia pedido antes mesmo de fechar com o Flamengo, que o gramado do maracanã fosse mudado para os padrões europeus. Além disso, Filipe reclamou da arbitragem brasileira.

“Não é que o gramado é ruim ou bom. É o tipo da grama. Faz com que a bola seja mais lenta, seca rápido, a bola não vai com a mesma velocidade que vai o gramado da Europa — ou no gramado do Corinthians ou do Beira-Rio, que foram, até agora, os que eu vi que são iguais aos da Europa”, explicou o jogador.

Comentários
enquete

Amor eterno existe ou homem se casa por acomodação?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
22 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »