Destaques

Jogo entre Brasil e Argentina pelas Eliminatórias é interrompido pela Anvisa por conta de descumprimento de protocolos sanitários

Polícia Federal também marcou presença na Neo Química Arena, em São Paulo

Por Bruno Gentile

Neo Química Arena, estádio do Corinthians, em São Paulo
(Foto: Divulgação/Mídea)

O jogo entre Brasil e Argentina, na Neo Química Arena, pela sexta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, no Catar, foi interrompido, aos 6 minutos, por agentes da Polícia Federal e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) por conta de descumprimento de protocolos de saúde de quatro jogadores dos hermanos que atuam na Premier League: Emiliano Martínez, Giovani Lo Celso, Cristian Romero, titulares, e Emiliano Buendia, sequer presente como opção no banco de reservas. Após a paralisação da partida, todos os atletas do técnico Lionel Scaloni, assim como os suplentes brasileiros, deixaram o campo e se dirigiram aos vestiários, enquanto que os 11 de Tite seguiram no gramado.

Diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, em entrevista à TV Globo, emissora detentora dos direitos de transmissão da competição, explicou o porquê da intromissão das autoridades no clássico, em São Paulo. “São quatro pessoas. Eles, ao chegarem em território nacional, apresentaram a declaração de saúde do viajante. Neste documento, não falava que eles passaram por um dos três países que estão restritos, justamente para a contenção da pandemia de covid-19. Mas, depois, foi constatado que os citados passaram pelo Reino Unido.”

“Chegamos nesse ponto porque tudo aquilo que a Anvisa orientou, desde o primeiro momento, não foi cumprido. Eles tiveram orientação para permanecer isolados para aguardar a deportação. Mas não foi cumprido. Eles se deslocam até o estádio, entram em campo, há uma sequência de descumprimentos”, completa Antonio Barra Torres, diretor-presidente da Anvisa”, completou. Na sequência, Torres também comentou sobre a possibilidade de haver um acordo entre as partes para que haja a realização do duelo.

“Eu não tenho conhecimento da lei desportiva, não posso opinar sobre isso. O que sei do aspecto sanitário, é que esses quatro jogadores precisam ser deportados do Brasil. Serão autuados e multados por uma sequência de infrações sanitárias. A primeira infração foi não cumpri o isolamento, a anterior em responder de maneira fidedigna o questionamento do viajante, e agora jogando. Com mais de 500 mil mortos, no meio da pandemia, as ordens estão sendo descumpridas a mando não sei de quem”, afirmou.

Depois de alguns minutos de indecisão em relação à viabilidade de os atletas retornarem ao campo, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) informou, por meio das redes sociais, que, devido ao episódio relacionado ao descumprimento dos protocolos sanitários da Anvisa, a partida entre Brasil e Argentina foi suspensa e, consequentemente, cancelada pelo árbitro Jesus Valenzuela, da Venezuela. Ainda segundo o comunicado feito pela entidade, “o juiz e o delegado do jogo apresentarão um relatório à Comissão Disciplinar da Fifa, que determinará os próximos passos a seguir”.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
23 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »