Esportes

Leandro Castán detona arbitragem: ‘Não somos palhaços’

Zagueiro relatou ameaças do árbitro na partida: 'fica escrevendo no cartão para me ameaçar'

Por Marcos Vinícius

Foto: Vasco da Gama

Na noite desta quarta-feira, Vasco e Palmeiras se enfrentaram pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, em São Januário. A vitória foi do time paulista por 2 a 1 em um jogo marcado por erros da arbitragem. O zagueiro Leandro Castán, que foi expulso no fim da segunda etapa, detonou o árbitro Rafael Traci e disse que o juiz o persegue.

“Segunda vez já que ele me prejudica. Deu falta o jogo inteiro para eles, o lance do empate eu nem vi, mas o lance do 2 a 1 foi falta clara no Danilo, ele calçou, foi claro e não deu. Aí eu vou falar e ele fica escrevendo no cartão amarelo na mão e fica escrevendo no cartão para me ameaçar, é a segunda vez que ele me prejudica já”, disse o zagueiro.

O zagueiro estava visivelmente irritado com a situação. O Vasco já estava atrás do placar, e tentava ao menos empatar a partida para evitar a derrota. Ainda estressado, Castán disse que não é palhaço e que está cansado disso.

“Aí ele vai no tribunal e fala que xinguei ele disso e daquilo, ele tem que ter prova! Porque nós jogadores não somos palhaços não. Ele tem que ter prova, porque é muito fácil para ele. Eu to cansado disso!”

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
15:00 - Show da Galera
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »