Coronavírus

Preocupação com a pandemia aumenta e eliminatórias podem ser prejudicadas; entenda

Técnicos e clubes não devem liberar seus jogadores para viajarem e servirem suas seleções; treinadores ingleses já se manifestaram

Por Redação Tupi

Foto: CBF

A pandemia do novo coronavírus e as preocupações com as novas cepas e o aumento do número de casos e mortes podem prejudicar a realização dos jogos das eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar em 2022. Isso por que os técnicos e clubes europeus pretendem não liberar seus atletas para viajaram e servirem suas seleções na competição. A próxima rodada das eliminatórias está marcada para o final de março com dois jogos a serem realizados entre os dias 22 e 31 de março.

A proibição de dá pelo fato das equipes perderem seus principais jogadores por 10 dias após o retorno – período de isolamento necessário em alguns países para quem viaja. A maior preocupação, inclusive, é com a América do Sul, por conta do Brasil e da nova variante brasileira, que é mais contagiosa.

O Liverpool, por exemplo, tem em seu elenco três brasileiros: o atacante Roberto Firmino, o volante Fabinho e o goleiro Alisson.

“Todo mundo está de acordo que não podemos deixar os jogadores irem com a seleção e na volta terem de cumprir uma quarentena de 10 dias em um hotel. Isso não pode acontecer. A Fifa foi muito clara ao dizer que não temos que deixar os atletas irem deste vez e acredito que todos os clubes estão de acordo com esse problema” – afirmou o técnico Jürgen Klopp, em entrevista coletiva na última quarta-feira.

A CBF, por sua vez, precisa entregar a lista de convocados até o dia 7 de março, ou seja, o próximo domingo, já que enfrenta a Colômbia no dia 26 de março e a Argentina no dia 30.

“Não sentamos ainda e nem tomamos uma decisão, mas não faz sentido se você perder um jogador durante 10 dias de isolamento. Somos nós que pagamos os jogadores e, no meu entendimento, a Fifa deu regras que não precisam ser publicadas. Então acredito que será uma decisão difícil liberar os jogadores em países em situação difícil em relação à Covid-19 “- declarou Solskjaer, treinador do Manchester United, que não pretende liberar o meia Bruno Fernandes para servir Portugal nos jogos.

Nas próximas horas, Fifa e Conmebol terão uma reunião para tratar da possibildiade do adiamento da segunda rodada das eliminatórias ou confirmar a necessidade de utilizar jogadores domésticos ou apenas os que foram liberados pelos seus respectivos clubes.

 

 

Comentários
enquete

Roberto Carlos 80 anos: Qual música do cantor é a sua preferida?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »