Conecte-se conosco

Campeonato Brasileiro

Sob forte chuva, Flamengo perde para o Corinthians e vê rivais encostarem no G-4 do Brasileiro

Timão faz 2 a 1 em pleno Maracanã e chega aos mesmos 61 pontos do Rubro-Negro, ainda na terceira posição

Publicado

em

Flamengo x Corinthians
(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

No jogo pós-título da Libertadores da América, o Flamengo, com equipe reserva e sob forte chuva, saiu de campo derrotado por 2 a 1 pelo Corinthians, na noite desta quarta-feira (2), no Maracanã, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Matheus França fez pelos cariocas, mas Du Queiroz e Yuri Alberto deram números finais ao marcador. O resultado mantém o grupo do técnico Dorival Júnior em terceiro lugar, com 61 pontos, os mesmos, inclusive, dos paulistas, em quinto. O Fluminense aparece em quarto, com pontuação igual.

O Rubro-Negro começou ligeiramente melhor no primeiro tempo, assustando o Timão em cabeçada de Pablo e em cobrança de falta de Vidal. Mas os visitantes logo trataram de equilibrar o controle da partida e também levaram perigo, principalmente em chute de Yuri Alberto para boa defesa de Hugo Souza, além de uma bomba na trave de Giuliano. Até que, aos 42, Mateus Vital avançou pela esquerda, achou Du Queiroz livre na área e o volante chapou com o pé direito. A bola desviou em Ayrton Lucas e morreu no fundo das redes.

Na volta do intervalo, apesar do jogo franco e aberto na etapa inicial, o Flamengo subiu dos vestiários com uma modificação fundamental, com Victor Hugo dando lugar a Everton Ribeiro. E, aos 2, o empate veio com naturalidade. Cebolinha passou por Vital na lateral e lançou rasteiro para Matheus França, cara a cara com Cássio, mandar por cima do goleiro e decretar o 1 a 1, no Maracanã.

A partir daí, o domínio passou a ser quase que completo do time da Gávea, especialmente com as jogadas individuais de Cebolinha e os passes de Everton Ribeiro. Mas, quando parecia que os donos da casa virariam o placar, o Corinthians surpreendeu e, em seu primeiro arremate a gol no segundo tempo, fez o 2 a 1, com Yuri Alberto, aos 29. Improvisado na lateral direita, Bruno Méndez progrediu pelo meio e tocou no atacante, que girou sobre Fabrício Bruno. O camisa 9 da Fiel ajeitou o corpo e bateu de canhota, por baixo de Hugo. Vitória paulista no Rio de Janeiro em noite de forte chuva.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *