Esportes

Tite: “É um jogador extraordinário e não posso julgá-lo; quero focar no trabalho”

Treinador pede tempo para a situação ser esclarecida. Seleção foca no amistoso contra o Qatar e a Copa América, enquanto Edu Gaspar fica à frente do caso Neymar

Por Redação Tupi

Foto: Pedro Marins/Mowa Press

Em entrevista na Granja Comary nesta segunda-feira, o técnico Tite tratou de muitos assuntos em especial, principalmente sobre a Copa América. No entanto, a principal questão levantada foi o caso recente do atacante Neymar e o caso de estupro.

“Tenho dimensão da importância do assunto e sei do tempo que as pessoas precisam para julgar os fatos. Eu não vou julgar. O que posso passar para todas as pessoas é que convivo com Neymar durante três anos. Tudo que sempre tratei com ele foi de muita lealdade. Eu não posso julgá-lo” – declarou o treinador.

Perguntado em como fazer para que a situação de Neymar não contamine o trabalho para a preparação, o treinador preferiu focar no trabalho.

“Sendo transparente, respondendo as perguntas, mas o nosso foco é o amistoso contra o Qatar e a construção diária do trabalho. Ele é um jogador diferente, mas para ele acontecer, tem todo um processo. O nosso trabalho está acima disso” – completou

“Fiquei de responder sobre a questão da braçadeira de capitão para Neymar. Conversei com ele e com Dani por telefone. Tudo isso está na relação do técnico com o atleta. Passado isso, o Neymar é um extraordinário jogador de futebol. Eu estou em paz. Não vou falar o que conversamos, mas nossa relação é muito boa. Tenho lealdade com ele” – frisou Tite.

Já Edu Gaspar, coordenador técnico da Seleção está à frente da situação, tentando evitar que o atleta e o grupo sejam atingidos com a situação:

“A primeira coisa que eu fiz foi buscar uma assessoria jurídica para a CBF, visando tratar com qualquer situação que aconteça aqui dentro. Buscamos todas as informações necessárias e essa assessoria está me ajudando na forma como tenho que lidar com todas as questões que teremos que atender juridicamente. A partir daí, vamos tentar resolver o caso o mais rápido possível, até para que o atleta possa estar com a cabeça tranquila, visando a disputa da Copa América”.

No último final de semana, a Polícia Civil compareceu à Granja Comary para conversar com o atleta sobre a acusação de estupro e a denúncia por crime virtual, mas não o encontrou. A Seleção continua a sua preparação. Quarta-feira, o Brasil enfrenta o Qatar, 21h30, no Estádio Mané Garrincha; o último amistoso antes da Copa América.

Comentários
enquete

Você acha futebol chato ou emocionante?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »