Esportes

Há 19 anos, Seleção Brasileira comemorava o penta! Mas o que levou ao desgosto pela amarelinha?

SELEÇÃO BRASILEIRA DO RÁDIO opina sobre o que mudou entre o apogeu de 2002 ao fracasso das últimas décadas

Por Pedro Leite

Com a camisa amarela da seleção, Neymar e Richarlison comemoram o gol do Brasil
Neymar comemora o segundo gol do Brasil (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

A vitória soberana por 2 a 0 na Alemanha em 30 de junho de 2002, no Japão, levou a Seleção Brasileira ao ápice: a primeira e única pentacampeã mundial. Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Rivaldo, Roberto Carlos, Cafu, entre outros craques de bola, consagraram a última geração brasileira a levantar a taça mais importante do futebol.

De lá pra cá, polêmicas, desgastes, eliminações, vexames, escândalos na CBF, convocações contestadas, entre muitos outros problemas fizeram com que o Brasil declinasse da maior potência ao maior vexame, o 7 x 1.

Mas de fato, o que nos levou a deixar de trilhar os caminhos vitoriosos de outrora? Para tentar explicar tanta mudança e a falta de popularidade da Seleção Canarinha, a TUPI ouviu a opinião da SELEÇÃO BRASILEIRA DO RÁDIO. Confira:

O comentarista de 12 copas do mundo, Washington Rodrigues, o Apolinho analisa esse cenário onde a seleção brasileira perdeu destaque, dentro do panorama do futebol mundial.

 

Já para o apresentador do programa Bola em Jogo, da Super Rádio Tupi, Gilson Ricardo o atual momento da seleção brasileira, não intimida os adversários internacionais do time comandado pelo técnico Tite.


recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Agosto de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »