Coronavírus

Presidente da FIFA acredita em mudança no futebol pós-crise e diz “Nenhuma partida vale uma vida”

Gianni Infantino afirmou que, quando a pandemia do coronavírus acabar, o esporte vai ser diferente, sendo mais solidário e inclusivo

Por Bruno Almeida

(Foto: Reprodução/Twitter/FIFAcom)

Na abertura do 72º congresso ordinário da Conmebol na manhã desta quinta-feira (02/04), o presidente da FIFA, Gianni Infantino, fez um discurso no qual afirmou que a entidade está se planejando para diminuir o impacto da crise da pandemia do coronavírus. No encontro online, que reuniu dirigentes de todo o futebol sul-americano, o chefe da entidade ressaltou também que está na torcida para que este momento passe logo.

“Nenhuma partida vale uma vida. Isso está muito claro nas nossas cabeças. Estamos preparando o futuro sempre com pensamento positivo. Espero que em breve possa dar um abraço em vocês pela América do Sul”.

Antes da fala no congresso, Infantino declarou, em entrevista à agência de notícias “Ansa”, que acredita em uma mudança positiva no futebol pós-crise, à qual chamou de “Pesadelo”.

“O futebol vai voltar, e quando voltar nós vamos celebrar juntos o fim de um pesadelo. Tem uma lição, no entanto, que todos devemos entender: o futebol que virá após o vírus será totalmente diferente… Mais inclusivo, mais social e mais solidário. Conectará os países e se tornará menos arrogante e mais receptivo. Será melhor, mais humano e mais atento aos valores de verdade”.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »