Jornalismo

Prefeitura encerra concessão da LAMSA e acaba com o pedágio na Linha Amarela

Desmontagem da estrutura iniciou na noite deste domingo

Por Redação Tupi

A Prefeitura do Rio finalizou na noite desde domingo (28)  a destituição da concessão da LAMSA, empresa que administrava a Linha Amarela e o pedágio na via. Por conta de um atrito entre as partes, a concessionária perdeu a concessão da Linha Expressa. Membros da Prefeitura foram até a praça do pedágio no final da noite para iniciar a retirada de toda a estrutura, situação que gerou grande confusão.

Além da quebra das cabines de cobrança, a retirada de balizas e cancelas liberadas, membros da RioLuz estiveram no local e efetivaram o corte de energia da parte administrativa da empresa. A situação acabou gerando um grande trânsito na região.

Veja também:

 

Confira as imagens da ação da Prefeitura:

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

 

Por meio de nota, a ex-concessionária falou sobre a situação:

“Num ato de abuso extremo de autoridade, sem precedentes na história e sem amparo jurídico, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivela, determinou a destruição da Praça de Pedágio da concessionária LAMSA, no final da noite deste domingo.

Um ato que colocou em risco a segurança de colaboradores e usuários da via expressa.

A concessionária, uma empresa do grupo Invepar, condena veementemente a decisão ilegal e abusiva do Poder Municipal, que só causará transtornos à sociedade carioca.

A LAMSA tomará, junto à Justiça, todas as medidas cabíveis em defesa de seus direitos e de seus funcionários.”

recomendadas
Comentários
enquete

Você acha que o técnico Tite precisa deixar o comando da Seleção?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Novembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »