Jornalismo

Polícia Civil vai apurar agressões a jornalistas durante cobertura da prisão de Pedro Fernandes

Repórteres presentes no local foram empurrados por um dos inspetores da corporação

Por Lucas Araújo

(Foto: Reprodução)

A Polícia Civil abriu uma sindicância para apurar as agressões de agentes da corporação a jornalistas que cobriam a prisão do ex-secretário estadual de educação, Pedro Fernandes (PSC), ocorrida nesta terça-feira (29). No momento em que Pedro chegava na chefia de polícia, no Centro do Rio, um dos inspetores empurrou os repórteres que estavam presentes no local.

Em seguida, o agente deu uma cotovelada em um jornalista da TV Bandeirantes, para impedir que o repórter filmasse o carro que Pedro Fernandes estava. A secretaria de estado da Polícia Civil lamentou o caso e disse estar apurando todos os detalhes.

Pedro Fernandes estava em prisão domiciliar desde o dia 11 de setembro, quando apresentou um teste positivo para Covid-19, no momento em que foi detido no âmbito da Operação Catarata, que investiga o desvio de verba pública na assistência social do Rio, entre os anos de 2013 e 2018.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »