Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Chefe do Dendê usa redes sociais para prestar solidariedade às famílias dos bandidos mortos na Vila Cruzeiro

“Independente da facção, quem sofre são os familiares”

Publicado

em

Polícia Rodoviária Federal no Hospital Getúlio Vargas
Polícia Rodoviária Federal no Hospital Getúlio Vargas (Foto: Cyro Neves / Super Rádio Tupi)

Uma publicação no twitter, que teria sido feita pelo traficante conhecido como Neves, uma das lideranças do tráfico de drogas no Morro do Dendê, na Ilha do Governador, está dando o que falar. O bandido, que é de uma facção rival a que atua na Vila Cruzeiro, fez uma postagem sendo ‘solidário’ às famílias dos traficantes mortos durante a ação das Forças de Segurança, no Complexo da Penha, na última terça-feira (24).

Na publicação ele diz: “Nossos familiares, filhos, mãe, pai, mulheres e amigos vendo esse caso sofrem juntos (…) independente de sua facção quem sofrem são os familiares, então, não acho maneiro os deboches”.

O jornalismo da Super Rádio Tupi procurou a Polícia Civil para saber se o caso já está sendo investigado, mas ainda não tivemos retorno. Em outra publicação, ele agradece aos antigos donos do morro; Fernandinho Guarabu, morto durante ação policial em junho de 2019, Gil e Olavo pelos ensinamentos no mundo do crime.

Nas redes sociais, Neves gosta de ostentar os cordões e anéis de ouro, além de bebidas caras e festas realizadas no interior da comunidade e em favelas da mesma facção criminosa.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.