Conecte-se conosco

Rio

Copacabana recebe a 27ª Parada do Orgulho LGBTI+ na Zona Sul do Rio

Além dos LGBTIA+, a manifestação está sendo representada por pessoas negras, mulheres, povos originários, deficientes e outros, com o objetivo de reforçar a luta por um Brasil igualitário

Publicado

em

Copacabana recebe a 27ª Parada do Orgulho LGBTI+ na Zona Sul do Rio

Copacabana recebe neste domingo (27) a 27ª Parada LGBTI+. O evento é um grito de grupos excluídos e discriminados. Além dos LGBTIA+, a manifestação está sendo representada por pessoas negras, mulheres, povos originários, deficientes e outros, com o objetivo de reforçar a luta por um Brasil igualitário.

A parada contou com 10 trios elétricos que percorreram a Avenida Atlântica até a Rua Rodolfo Dantas.

Em coletiva de imprensa, Cláudio Nascimento, Presidente do Grupo Arco-Íris e Coordenador Geral da Parada falou que o evento quebra as barreiras do preconceito ” Eu sempre aprendi quer ser infeliz é muito fácil, você deixa a maré te empurrar, ser feliz é mais difícil você precisa enfrentar muitas barreiras, lutar muito vencer e obstáculos, a nossa comunidade sofre muito preconceito e a gente vai enfrentando” disse.

A Economista, Rafaela Monteiro que foi curtir a parada, destacou a importância do evento para o Rio de janeiro. ” É de extrema importância pra representatividade e dar visibilidade para toda bandeira LGBTI+” destacou.

E no clima da Copa do Mundo, a CBF, uma das patrocinadoras da Parada do Orgulho, levará uma camisa gigante da Seleção Brasileira, com dez metros de comprimento com o número 24 estampado na camisa amarela e uma faixa de capitão nas cores do Arco-íris em uma das mangas.

O evento conta com o apoio da Prefeitura do Rio. A 27ª edição acontece de forma presencial depois de dois anos virtualmente. E ainda pega a população aquecida pela Copa do Mundo e o Rio de Janeiro cheio de turistas com a aproximação com o verão, movimentando a cadeia turística, de entretenimento e alimentação.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *