Rio

Corpos carbonizados dentro de carro em São Gonçalo seriam de soldados do Exército

Segundo testemunhas, a dupla teria levado as mulheres em casa, quando foi pega por traficantes

Por Diana Rogers e Victor Yemba

(Divulgação)

A Polícia Civil investiga se os dois corpos encontrados carbonizados no interior de um veículo, na manhã desta segunda-feira (13), no Pacheco, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio são de militares do Exército Brasileiro, que estão desaparecidos desde a noite deste domingo (12). 

Os dois militares, identificados como Victor Hugo Pedrosa Xavier e Daniel Ferreira de Azevedo, lotados, no 21º Grupo de Artilharia em Campanha e na Fortaleza de Santa Cruz da Barra, no bairro Jurujuba, em Niterói, teriam assistido a final entre Flamengo e Fluminense em uma movimentada casa de festa no Mutondo e, em seguida, seguiram em direção a um bar localizado no Raul Veiga, onde teriam conhecido duas meninas. 

Segundo testemunhas, a dupla teria levado as mulheres em casa, quando foi pega por traficantes.

Os dois soldados seriam moradores dos bairros Anaia Pequeno e Almerinda, ambos em São Gonçalo.

O caso está em andamento sob investigação da Delegacia de Homicídios de São Gonçalo, Niterói e Itaboraí (DHNISG), que realizou a perícia no local.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
11 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »