Jornalismo

Ex-PM envolvido no caso Marielle é condenado por posse ilegal de arma

Investigações apontam que Élcio dirigiu o carro usado na noite do crime. Ex-PM já está preso há mais de 1 ano e meio

Por Diana Rogers

Ex-PM Élcio de Queiroz (Foto: Divulgação / Tribunal de Justiça)

O ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, preso desde março do ano passado, por envolvimento na morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, foi condenado a cinco anos de prisão por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e posse ilegal de arma de uso permitido.

Um ano após o assassinato da vereadora os policiais apreenderam, na casa do ex-PM, duas pistolas, carregadores e munição. Além disso, oito balas de fuzil também foram encontradas no carro de Élcio.

Como o ex-PM já está preso há mais de 1 ano e meio, o juiz determinou que a pena seja cumprida em regime aberto. No entanto, Élcio não será solto porque está preso preventivamente no processo que investiga os assassinatos de Marielle e Anderson.

Segundo as investigações, Élcio dirigiu o carro usado na noite do crime, no dia 14 de março de 2018. O outro acusado, Ronnie Lessa, é apontado pelo Ministério Público como o responsável pelos tiros que mataram a vereadora e o motorista.

Pelos assassinatos, os dois serão julgados por um júri popular que ainda não tem data marcada.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
30 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Alexandre Ferreira
« Programa Anterior
02:00 - Na Companhia Do Garcia
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »