Capital Fluminense

Família de Agnaldo Timóteo abre processo para retirar inventariante dos bens do cantor

De acordo com os familiares do cantor, o advogado Sidnei Pedroso não presta conta e colocou um imóvel à venda sem autorização dos beneficiários do artista

Por Redação Tupi

Agnaldo Timóteo sorrindo
Agnaldo Timóteo participou do programa em janeiro deste ano (Foto: Talita Giudice/Super Rádio Tupi)

A família de Agnaldo Timóteo entrou com um processo para a remoção do inventariante do testamento do cantor, morto em abril deste ano vítima da Covid-19.

Os irmãos do artista, Ruthinete Timotheo Pereira, Maria Timotheo Pereira e Cícero Timotheo Pereira abriram o processo na 1ª Vara de Família, no Rio de Janeiro. Eles querem retirar o advogado Sidnei Lobo Pedroso da condução dos bens de Agnaldo. A família de Timotheo alega que ele estaria sonegando informações e usufruindo de imóveis do cantor.

Casa de Agnaldo Timóteo na Barra da Tijuca
Casa de Agnaldo Timóteo na Barra da Tijuca (Foto: Reprodução)

Na semana passada a casa de Agnaldo, na Barra da TIjuca, bairro nobre da Zona Oeste do Rio, foi alvo de depredação, o que alertou os irmãos do cantor. A família descobriu que o imóvel também havia sido colocado à venda, e que tem dívidas de IPTU no valor de quase R$ 45 mil. O apartamento de São Paulo também teria sido colocado para locação sem qualquer tipo de comunicação aos herdeiros.

Sidnei Pedroso e Agnaldo Timóteo: cantor colocou o advogado como testamenteiro e inventariante
Sidnei Pedroso e Agnaldo Timóteo: cantor colocou o advogado como testamenteiro e inventariante (Foto: Divulgação)

O testamento de Agnaldo prevê a divisão do patrimônio de 50% para Keyty, 10% para cada um dos filhos de criação, Marcelo e Márcio, e 15% para cada um dos irmãos Cícero e Ruthinete.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show da Galera
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
21:00 - Botequim do Mister
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »