Rio

Médicos e enfermeiros poderão levar doses para vacinar parentes e vizinhos contra gripe

Medida, no entanto, não serve contra o coronavírus, mas tem como objetivo a redução no número de doentes

Por Redação Tupi

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Prefeitura do Rio divulgou, nesta segunda-feira (23), que médicos e enfermeiros poderão retirar de 10 a 50 doses de vacina da gripe comum para vacinar vizinhos e parentes. A medida, no entanto, não serve contra o coronavírus, mas tem a intenção de diminuir o número de doentes e evitar crise na saúde.

Os profissionais da área precisam fazer o agendamento em um site, onde também terão que prestar contas sobre os vacinados. Ao todo, serão 29 locais para a retirada das doses. A data de início do programa, o site ainda e os locais de retirada não foram divulgados.
A secretária de Saúde do Rio solicitou que a medida seja acertada entre médicos e síndicos de condomínios para que os vizinhos sejam vacinados. Com isso, Ana Beatriz Busch pretende diminuir a corrida aos postos de saúde.

“Tenho certeza que esse projeto dos médicos e enfermeiros levarem vacina para seus familiares, vizinhos e consultórios vai facilitar e muito essa distribuição. Peço novamente que não procurem os postos de saúde imediatamente. Aguardem!”, disse a secretária, em entrevista coletiva.

A primeira fase de vacinação contra a gripe começou nesta segunda para pessoas acima de 60 anos e profissionais da saúde. Entretanto, médicos e enfermeiros poderão ser atendidos onde trabalham e também não devem ir aos postos de saúde.

De acordo com a secretária, as clínicas de família vão priorizar a vacinação em casa de maiores de 80 anos e de pessoas que têm dificuldade para se locomover.

recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
09 de Abril de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »