Rio

Movimento União Rio investe R$ 9,1 milhões em doações no Hospital do Fundão

As doações obtidas pelo Movimento possibilitaram a reforma de mais de 10 mil metros quadrados de área do hospital público

Por Victor Yemba

(Divulgação: Agência Brasil)

Considerada uma das maiores iniciativas humanitárias do Brasil tanto em arrecadação quanto em mobilização de voluntários prestando assistência a pessoas em situação de vulnerabilidade, o Movimento União Rio mostra o quanto é capaz de engajar em prol de uma causa. Em cinco meses de atuação, foram mais de R$73,8 milhões arrecadados em doações e, deste total, R$1,5 milhão está sendo investido em uma nova etapa de reformas no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF), popularmente conhecido como Hospital do Fundão.

Desta vez, 128 consultórios médicos estão passando por obras estruturais e, quando prontos, poderão ampliar o número de atendimentos ambulatoriais para 1.500 por dia em mais de 45 especialidades médicas.

Com previsão de término para novembro deste ano, a reforma começou em agosto. Antes disso, um grupo técnico — formado por profissionais da área de Engenharia Civil da Rede D’Or, por profissionais do Instituto da Criança e do próprio HUCFF — passou pelo processo licitatório que definiu a empresa que está realizando as obras.

“Segundo o propósito de contribuir para preservar vidas, o Movimento União Rio demostra que o improvável não é impossível quando há gestão e comprometimento”, diz Pedro Werneck, cofundador do Movimento União Rio e presidente do Instituto da Criança, que é responsável pela gestão das ações de saúde da iniciativa no HUCFF.

Desde que foi criado, o Movimento União Rio já empregou R$9,1 milhões dos recursos reunidos na reestruturação do Hospital do Fundão. Na primeira fase das obras, a iniciativa reformou e reativou 60 leitos de UTI e 12 leitos de enfermaria, exclusivos para atendimento à pacientes diagnosticados com a Covid-19.

Já na segunda fase, patrocinada pela Bradesco Saúde, foi possível reativar 98 leitos de enfermaria. Juntas, as três fases do projeto contemplam 10.324 metros quadrados de áreas reformuladas do Hospital do Fundão, em apenas oito meses.

Além dos 170 leitos de UTI e enfermaria e dos 128 consultórios médicos, o Movimento União Rio também viabilizou a compra de respiradores, monitores multiparâmetro, central de monitoramento, ventiladores não-invasivos, raio x portátil, ultrassom digital e assegurou o custeio parcial para contratação de técnicos profissionais.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
30 de Setembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »