Brasil

Operação contra agressores de mulheres tenta prender quase 100 no RJ

Coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, a ação é realizada em todos os estados da federação

Por Diana Rogers

Lei que autoriza a medida foi publicada nesta quinta-feira (19) no Diário Oficial do estado
(Foto: Divulgação)

Pelo menos 21 mandados de prisão foram cumpridos, na manhã desta segunda-feira (08), na cidade do Rio, durante a maior operação de combate à crimes de violência contra a mulher do Brasil.

Batizada de operação resguardo, a ação é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e realizada nos 26 estados do país e no Distrito Federal.

Na Capital Fluminense, serão cumpridas 258 medidas cautelares e protetivas, além de mandados de prisão. A delegada Sandra Ornellas, do Departamento-Geral de Polícia de Atendimento à Mulher (DGPAM), destaca a importância da operação no dia internacional da mulher.

“Essa operação tem a importância de marcar o Dia Internacional da Mulher como um dia de luta. Luta pela igualdade entre homens e mulher, porque a violência que nós lemos todo dia, é fruto dessa profunda desigualdade que ainda existe entre homens e mulheres”, afirmou.

Desde janeiro deste ano a Polícia Civil do Rio já prendeu mais de 1.367 agressores de mulheres em todo o estado.

Comentários
enquete

Rodolffo Matthaus mereceu ser eliminado do BBB21?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »