Conecte-se conosco

Baixada Fluminense

PF prende acusado de fraudar benefícios do INSS

Prejuízo calculado foi de R$ 500 mil

Publicado

em

Documentação falsa apreendida pela Polícia Federal utilizada para fraudes no INSS
Documentação falsa apreendida pela Polícia Federal utilizada para fraudes no INSS (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal prendeu, nesta quinta-feira (19), um homem acusado de cometer fraudes no Instituto Nacional de Seguridade Social, o INSS, na Baixada Fluminense, no valor de R$ 500 mil.

De acordo com a PF, o homem, de 60 anos, usava documentos falsos para dar entrada no benefício. Além da prisão, os policiais apreenderam diversos documentos de identidade, CPFs, certidões de óbito e de nascimento, além de celulares e notebook. Todos os objetos apreendidos eram utilizados para a falsificação.

Policiais federais

Policiais federais (Foto: Divulgação)

O INSS afirmou que foi identificado a existência de, pelo menos, 30 benefícios fraudulentos. Entre os destaques estão pensões por morte e benefícios assistenciais ao idoso.

O preso vai responder por falsificação de documento público, uso de documento público falso, receptação de documentos roubados e falsificados e estelionato previdenciário.

A operação foi denominada de Mística, em referência à personagem do universo X-Men que se tornou mestre em criar novas identidades e mentir para garantir a própria sobrevivência.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.