Conecte-se conosco

Carnaval

Polícia Civil prende homem que atacou três pessoas em bloco de carnaval

A briga começou porque um folião impediu o esposo de se aproximar de sua mulher achando que iria assedia-la

Publicado

em

Polícia Civil
Foto/Reprodução: Polícia Civil Militar do Estado do Rio de Janeiro

Os quatro foliões feridos com cortes de vidro durante a passagem do bloco Banda do Lido, em Copacabana, receberam alta médica e deixaram o Hospital Municipal Miguel Couto. A Polícia Civil classificou o crime como tentativa de homicídio.

O autor foi identificado como Marcelo Batista de Almeida. Ele foi preso e encaminhado à delegacia para prestar depoimento. De acordo com testemunhas, a briga começou porque Marcelo queria impedir o folião José Carlos da Silva de aproximar da esposa, Daniele da Silva, eleita a rainha do bloco. Marcelo não sabia que ele e a mulher eram casados, e achou que o homem se aproximar de Daniele para assediá-la.

O irmão de Daniele, Pedro Jorge da Silva, foi ferido no pescoço e precisou ser socorrido em situação de emergência. Apesar do susto pelo sangramento, ele passa bem e está fora de perigo.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *