Rio

Polícia Militar investiga se sargento do Batalhão de Choque morreu de febre maculosa

Segundo corporação, existe a possibilidade do óbito ter acontecido pela doença, porém exames complementares estão sendo realizados pelo Hospital da Fiocruz

Por Redação Tupi

Sargento da PM suspeito de morrer com febre maculosa
(Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)

Um sargento da Polícia Militar morreu com suspeita de febre maculosa, nesta sexta-feira (22). O agente atuava como instrutor do Curso de Operações de Polícia de Choque (COPC).

Segundo a corporação, existe a possibilidade do óbito ter acontecido pela doença, porém exames complementares estão sendo realizados pelo Hospital da Fiocruz, onde o militar estava internado quando morreu.

A Secretaria de Polícia Militar acrescentou ainda que outros policiais que participavam do curso estão sendo acompanhados pelo ambulatório de febre do Instituto Oswaldo Cruz.

Carrapato que transmite a febre maculosa
(Foto: Lorena Campos / SMS Contagem)

A febre maculosa é uma doença infecciosa causada por bactérias. No Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, duas espécies estão associadas à febre maculosa. Uma na região norte do Paraná e nos estados da região Sudeste, como Minas Gerais, e a outra em áreas silvestres, porém com sintomas mais leves.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Dezembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »