Rio

Procurador do Rio é preso por receber propina para alterar traçado da Linha 4 do metrô

Segundo as investigações, ele recebeu propina de 2010 a 2014

Por Redação Tupi

Em mais uma etapa da operação Lava Jato, policiais prenderam na manhã desta segunda-feira, no Rio de Janeiro, o procurador do estado Renan Saad. Ele é acusado de receber R$ 1,265 milhão da Odebrecht para mudar o traçado da Linha 4 do metrô, sem realizar nova licitação.

O trajeto da Linha 4 foi inaugurado para os Jogos Olímpicos 2016 e faz a ligação da Zona Sul para Barra da Tijuca. Saad era identificado na planilha da Odebrecht como Gordinho. Segundo as investigações, ele recebeu propina de 2010 a 2014.

Comentários

enquete

Fluminense tem chances de avançar na Libertadores da América?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
12 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »