Conecte-se conosco

Rio

Secretário de Saúde diz que contratos eram feitos para serem superfaturados

Segundo ele o material dos hospitais de campanha eram de péssima qualidade e sem condições de ser utilizado

Publicado

em

(Foto: Marcos Antonio de Jesus/Super Rádio Tupi)

(Foto: Marcos Antonio de Jesus/Super Rádio Tupi)

Durante o depoimento no Tribunal Especial Misto, nesta quinta-feira (71), o Secretário de Estado de Saúde , Carlos Alberto Chaves, criticou os antecessores e disse ter encontrado uma secretaria aparelhada. Segundo ele o material dos hospitais de campanha eram de péssima qualidade e sem condições de ser utilizado. Ele disse ainda que os contratos eram feitos para serem superfaturados.

Perguntado sobre se o governador afastado Wilson Witzel teria conhecimento da corrupção na área de saúde, Chaves respondeu : “A tropa é reflexo do comandante”. Até o momento foram ouvidas 8 das 19 testemunhas previstas para está sessão. O secretário disse também que chegou a receber ameaças na primeira semana que assumiu o cargo.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *