Esportes

Richarlison posa com novo uniforme da Seleção e brinca: ‘Dei uma ajuda com minha beleza’

Em entrevista coletiva, atacante destacou amor pela Seleção e afirmou que é o seu bem maior

Por Redação Tupi

Foto: CBF

A Seleção Brasileira vai estrear seu novo uniforme na partida desta sexta-feira, contra a Venezuela, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Um dos jogadores convidados para o lançamento da lançamento das camisas, que têm inspiração na Copa do Mundo de 1970, Richarlison elogiou o novo kit e valorizou sua participação na divulgação.

“É um prazer enorme estar sempre vestindo a camisa da Seleção, agora mais ainda, com inspiração na Copa de 70. Nada mais, nada menos que o Zagallo  nos representou também. É sempre uma inspiração vestir essa camisa. Achei muito bonita. Claro que eu também dei uma ajuda com a minha beleza. É muito bonita a camisa”, brincou, em entrevista coletiva nesta terça-feira (10).

Para além da beleza da camisa (e do próprio Richarlison, pelo menos na opinião dele), ela ainda representa um momento glorioso da Seleção Brasileira. O tricampeonato do mundo no México, em 1970, é um exemplo do que o atacante ainda quer viver com a Amarelinha.

Com a Seleção desde os tempos de categoria de base, Richarlison sente muito orgulho em defender seu país. Campeão da Copa América, o atacante sonha com voos ainda mais altos e revelou um momento de tensão na última convocação. Com uma lesão no tornozelo, ele corria risco de ser cortado e até mesmo chegou a ficar apreensivo após uma conversa com o técnico Carlo Ancelotti, do Everton.

Foto: CBF

“A Seleção é meu maior orgulho. Até mesmo na ultima convocação, que eu vim com o tornozelo machucado, o Ancelotti falou que ia ligar para o professor Tite para me cortar. Fiquei muito triste, quase chorei lá no treinamento (na Inglaterra). Estar aqui é minha alegria, eu falo para os meus amigos, eu gosto mais da Seleção do que de mim mesmo, me sinto bem de estar na Seleção. É o meu bem maior”, confessou.

Mesmo dono de uma irreverência ímpar fora de campo, Richarlison também sabe ser sério quando a bola rola. Autor de um dos gols na vitória por 4 a 2 sobre o Peru, pela segunda rodada das Eliminatórias, o atacante frisou que a mentalidade com a Seleção tem que ser sempre a mesma: vencer. É com esse espírito que ele se prepara, com o restante do grupo, para a disputa dos jogos contra Venezuela e Uruguai, nesta Data FIFA.

“Sempre que se está dentro de campo com a camisa da Seleção, é para atuar do mesmo jeito, independente do adversário. Se for jogo valendo ou amistoso, tem que entrar para ganhar. Não tem diferença nenhuma. É sempre tudo ou nada. Tem que entrar para ganhar todos os jogos”, frisou.

Com informações da CBF*

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Antônio Carlos
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »