Conecte-se conosco

Sentinelas 15:55h

Estudo revela que fumar perto de filhos pequenos aumenta risco de asma para futuros netos

Confira o que foi destaque no Sentinelas da Tupi Especial desta terça-feira

Publicado

em

Estudo revela que fumar perto de filhos pequenos aumenta risco de asma para futuros netos Sentinelas da Tupi Especial
Estudo revela que fumar perto de filhos pequenos aumenta risco de asma para futuros netos

O hábito de pais fumarem perto dos filhos pequenos, fazendo com que estes se tornem fumantes passivos, pode comprometer além da saúde deles a de seus eventuais netos também. É o que mostra um novo estudo liderado por pesquisadores da Universidade de Melbourne, na Austrália, e publicado na revista científica European Respiratory Journal.

De acordo com o trabalho, crianças cujo pai foi exposto recorrentemente à fumaça do cigarro durante a infância têm um risco 59% maior de desenvolver quadros de asma não alérgica.

O que fazer para preservar a boa saúde da família?

Os pesquisadores australianos analisaram informações de aproximadamente mil e setecentas crianças, dos pais e dos avós delas. O monitoramento, que teve início em 1968, é um dos maiores do mundo, e ainda em atualização, sobre doenças respiratórias. Eles selecionaram pequenos que desenvolveram um quadro de asma até os 7 anos de idade.

O pneumologista e ex-presidente da Sociedade de Pneumologia e Tisiologia do Estado do Rio de Janeiro, Gilmar Alves, comenta a pesquisa.

O objetivo dos cientistas era avaliar se o hábito de fumar próximo aos filhos, pode elevar os riscos de doenças respiratórias e câncer para as futuras gerações.

O doutor Gilmar Alves fala sobre conscientização e ajuda para eliminar o vício do cigarro.

A ex-bancária e fumante, Sandra Ramos, tem dois filhos: um de 10 e outro de 12 anos.  Ela conta que o tentou recorrer ao cigarro eletrônico mas não conseguir largar o vício de fumar.

O Dr. Clay Brites, Pediatra e Neurologista Infantil do Instituto NeuroSaber  explica o desenvolvimento da asma.

O programador, Cássio Barreto, é pai de uma menina, diz que tem a preocupação com a filha e está tentando parar de fumar.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.