Conecte-se conosco

Internacional

Elon Musk volta a dizer que pode travar acordo com Twitter

Plataforma deve comprovar que menos de 5% das contas são faltas para que o negócio dê certo

Publicado

em

Elon Musk
Elon Musk (Foto: Reprodução)

Elon Musk voltou a afirmar que o acordo para comprar o Twitter pode não vingar caso a empresa não que menos de 5% das contas na plataforma são falsas ou spam.

“20% de contas falsas/spam, enquanto 4 vezes o que o Twitter afirma, pode ser *muito* maior. Minha oferta foi baseada na precisão dos registros da SEC do Twitter. Ontem, o CEO do Twitter se recusou publicamente a mostrar prova de <5%. Este acordo não pode avançar até que ele o faça”, tuitou Elon Musk.

Vale lembrar que, nesta segunda-feira (16), Musk trocou farpas com o presidente executivo da rede social, Paraj Agrawal, que postou textos explicando o esforço para combater contas utilizadas por robôs. Musk utilizou um emoji de cocô para ironizar a fala.

O bilionário afirmou ainda que suspeita que as contas representam pelo menos 20% dos usuários, em comparação com as estimativas oficiais do Twitter de 5%.

“Você não pode pagar o mesmo preço por algo que é muito pior do que eles alegaram”, disse Musk na All-In Summit 2022.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.