Conecte-se conosco

Destaques

Fiéis celebram missa em tradicional igreja da Zona Norte em homenagem a São Sebastião

Nesta quinta acontece uma carreata que sairá de Santa Cruz e seguirá para a Catedral do Rio

Publicado

em

Missa da São Sebastião
Foto: Tatiana Cmpbell - Super Rádio Tupi
Missa da São Sebastião

Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Aconteceu na manhã desta quinta-feira (20), a tradicional missa de São Sebastião no Santuário Basílica de São Sebastião, conhecida como a Igreja dos Capuchinhos, na Tijuca, Zona Norte do Rio. Centenas de fiéis estiveram no local para fazer suas preces e agradecer por ter saúde em meio a pandemia da Covid-19. Eram 4h quando a Ana Claudia de Melo chegou na Basílica.

“Ele na minha vida é tudo, eu nem sei como agradecer. Tudo o que peço para ele eu consigo. Eu estou aqui para agradecer por mais um ano de vida. Minha sobrinha está com Covid, vim pedir por ela. Eu tenho fé em São Sebastião que ela ficarão curadas”.

Ao longo do dia diversas festividades foram marcadas para celebrar o dia de São Sebastião. A partir das 14h30 acontece uma carreata que sairá da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Santa Cruz, na Zona Oeste, e seguirá para a Catedral Metropolitana do Rio, no Centro da cidade.

Fiel faz oração à São Sebastião na Igreja dos Capuchinhos, na Tijuca

Fiel faz oração à São Sebastião na Igreja dos Capuchinhos, na Tijuca – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Quem também participou da missa na Igreja dos Capuchinhos foi a Rose Gonçalves. Ela, que é devota de São Sebastião e sempre participa das solenidades, fala do amor que tem pelo padroeiro do Rio.

“Eu estou aqui no Rio há 46 anos e já alcancei diversas graças como a cura do meu filho, que tinha um tumor e foi curado graças a São Sebastião. Eu vou a missa em toda a primeira sexta-feira do ano para orar e pedir para tudo melhorar”.

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, esteve presente e falou sobre as celebrações para esta quinta-feira.

“É um dia importante para pedir proteção. São Sebastião é um santo  que é marcado pela sua força e capacidade de luta, como o povo carioca. Essa data é muito especial, data do padroeiro da nossa cidade. Como prefeito cristão, católico, é uma satisfação estar aqui. Se Deus quiser estamos terminando esse momento de dificuldade”.

Igreja de São Sebastião, na Tijuca, Zona Norte do Rio

Igreja de São Sebastião, na Tijuca, Zona Norte do Rio – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

História

Originalmente, a Igreja de São Sebastião do Rio de Janeiro localizava-se no morro do Castelo, na área central da cidade. A histórica igreja, junto outras construções importantes, foi destruída quando o morro foi demolido, em 1922. No mesmo local também estavam instalados os frades capuchinhos, estabelecidos definitivamente no Rio de Janeiro em 1840. Com a demolição, os frades tiveram de mudar-se para dependências no bairro da Tijuca.

A nova igreja dos frades, dedicada a São Sebastião, foi construída entre 1928 e 1931. O projeto, em estilo neo-bizantino com reminiscências neorromânicas, é de autoria desconhecida. O interior da igreja é ricamente decorado com vitrais, mosaicos e mármores coloridos, inspirados no estilo revivalista do Mosteiro de Beuron, na Alemanha. Entre 1941 e 1942 a fachada foi alterada pelo arquiteto italiano Ricardo Buffa, também autor do altar-mor.

Confira as fotos da missa realizada na manhã dessa quinta-feira (20):

Missa de São Sebastião

Missa de São Sebastião – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Missa da São Sebastião

Missa de São Sebastião – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Missa da São SebastiãoMissa de São Sebastião – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Missa da São Sebastião

Missa de São Sebastião – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Missa da São SebastiãoMissa de São Sebastião – Foto: Tatiana Campbell/Super Rádio Tupi

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.