Jornalismo

Jovem muda depoimento sobre estupro coletivo

Delegacia de Copacabana investiga o caso

As investigações sobre um suposto estupro coletivo, ocorrido em Copacabana, na Zona Sul do Rio, nesta sexta-feira (01), tomaram novos rumos. A vítima, uma turista baiana, de 24 anos, mudou a versão da história durante depoimento na delegacia.

12ªDP (Copacabana) investiga o caso. Foto: Reprodução

Na manhã de ontem, a jovem acionou a polícia militar e contou que havia sido estuprada por cinco bombeiros. A delegada Valéria Aragão, titular da 12ªDP (Copacabana), ouviu a mulher e os militares envolvidos no caso. Segundo a delegada, a turista contou que estava sob efeito de drogas e que não houve violência sexual, e acrescentou que todas as carícias trocadas com os bombeiros, foram consentidas.

Segundo a delegada, a jovem é garota de programa e veio para trabalhar durante o carnaval do Rio.Por meio de nota, o Corpo de Bombeiros ressaltou que “não compactua com nenhum ato que vá de encontro com a ética, a moral e os bons costumes”. Após depoimento, a turista foi encaminhada para fazer exames.

enquete

Os homens devem experimentar ser 'donos de casa' para ver o trabalho que dá?
Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Setembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »